top of page

NoHarm selecionada pela Fundação Bill e Melinda Gates para Revolucionar com LLM




Temos a alegria e o orgulho de compartilhar a notícia: A NoHarm.ai anunciou hoje que é o vencedor de uma concessão do Grand Challenges – uma iniciativa que promove a inovação para resolver problemas globais de saúde e desenvolvimento e financiada pela Fundação Bill & Melinda Gates.


Os modelos de linguagens grandes têm mudado a maneira como interagimos com a tecnologia, permitindo que máquinas compreendam, gerem e manipulem a linguagem humana de maneira surpreendentemente natural. A Fundação tem sido uma força motriz na promoção de avanços tecnológicos para abordar desafios globais, e a seleção da NoHarm para seu projeto de desenvolvimento de LLM é uma prova clara do potencial impacto que a empresa pode ter no mundo.


Acreditamos que a concessão trará avanços significativos no desenvolvimento de modelos de linguagem que têm o potencial de melhorar a acessibilidade, educação e comunicação em todo o mundo, visto que é uma iniciativa que promove a inovação para resolver problemas globais de saúde e desenvolvimento.


Henrique Dias e Ana Helena, os fundadores da NoHarm, que farão um projeto de pesquisa global em saúde e desenvolvimento focado em Catalyzing Equitable Artificial Intelligence (AI) Use, intitulado NoHarm Summary Discharge.


O projeto NoHarm Summary Discharge idealiza um sistema de apoio à decisão para auxiliar os médicos a escrever melhores resumos de alta. Um dos principais desafios da alta hospitalar é a manutenção do cuidado continuado. O sumário de alta é um alicerce que busca garantir informações essenciais desde a alta do paciente até os próximos prestadores. A Rede Dasa e a startup Maritaca.ai também são parceiros no projeto, que tem como hospitais piloto o São Lucas da PUCRS, Ernesto Dornelles, Mãe de Deus e Santa Casa de BH.


Esses próximos passos estão alinhados à solução que a NoHarm já desenvolve desde 2019, que se resume no desenvolvimento de dois algoritmos para automatizar a triagem farmacêutica. Enquanto um prioriza prescrições fora do padrão, o outro trabalha na identificação de pacientes críticos. O sistema indica onde estão os possíveis erros de prescrição, aumentando a qualidade do atendimento e a eficiência hospitalar.

Além da Bill & Melinda Gates Foundation, a NoHarm recebe o apoio do CNPq e BNDES para o desenvolvimento de novos projetos para o SUS, três prêmios do Google Latin America Research Awards (LARA), além do apoio institucional do Tecnopuc e NAVI (Hub de Inteligência Artificial). Os Hospitais Mãe de Deus e Santa Casa, ambos de Porto Alegre, acolheram o projeto e decidiram implantar o sistema no dia a dia da farmácia clínica. Atualmente são mais de 80 hospitais e 20 mil leitos monitorados todos os dias.


Portanto, queremos estender nosso parabéns à equipe da NoHarm por essa conquista. Suas contribuições e dedicação estão pavimentando o caminho para um futuro mais inteligente e conectado, onde a tecnologia trabalha para o bem maior da humanidade.


Parabéns, NoHarm, por essa premiação merecida!


Para mais informações acesse:



Bình luận


bottom of page